Requião e Gleisi com processos

A prisão do primeiro senador no exercício do mandato desde a redemocratização ainda constrange o Senado. Mas Delcídio do Amaral (PT-MS) está longe de ser o único com problemas na Justiça. De cada dez senadores, quatro estão sob investigação no Supremo Tribunal Federal (STF). Dos 81 integrantes da Casa, pelo menos 31 respondem a inquérito ou ação penal na mais alta corte do país. PARTIDOS Quase metade dos investigados representa o PMDB e o PT. Juntos, esses dois partidos têm 14 nomes na lista dos senadores sob algum tipo de acusação criminal. FOCO Os dados são de levantamento feito com exclusividade pelo Congresso em Foco. Dois dos três senadores do Paraná tem processo: Gleisi Hoffmann (PT) e Roberto Requião (PMDB).

Nenhum comentário: