A melhor saída para o Brasil é a renúncia da Dilma

Todos sabem que quem está mandando hoje no Brasil é o PMDB, e o presidente da Câmara e o ministro Gilmar Mendes, acompanhados pelo deputado Paulinho da Força, discutiram "em detalhes o agravamento da crise política". Na conversa, chegaram à conclusão de que um pedido de cassação dificilmente será aprovado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), onde a chapa presidencial é investigada, e também foi feito um diagnóstico sobre as dificuldades de abertura de um processo na Câmara contra Dilma.
Na verdade Dilma e o PT estão atrasando o Brasil, e por 3 anos ela vivendo na camada morta da política, nada será melhorado. A renúncia seria o melhor para todos.

Nenhum comentário: