Dois corpos são encontrados na zona rural de Flórida

No final desta quarta-feira (18), um morador da zona rural de Flórida estava andando de cavalo quando sentiu um forte cheiro no meio do matagal. O homem decidiu chamar os policiais. Após uma varredura em um carreador, dois corpos foram encontrados em adiantado estado de decomposição. Policiais civis de Maringá e de Santa Fé foram até o local e acreditam que os corpos sejam de Ana Cláudia e Jonathan. 
O rapaz estava de bruço, tinha um relógio da cor preta marca Puma, dinheiro no bolso, estava com as mãos amarradas por um fio de tomada e com tiro na cabeça. Já a moça estava com um tiro na cabeça, trajava um macacão com sutiã de cor branca e rosa e tinha duas tatuagens, uma estrela no ombro esquerdo e uma na perna. O perito criminal que examinou os corpos relatou que agora será feito um exame de necrópsia no Instituto Médico Legal de Maringá para identificar os corpos. 

O delegado de Santa Fé, Luiz Henrique Vicentini afirmou que na manhã desta quinta-feira (19) fará varreduras nas imediações para tentar localizar os outros dois corpos, ou que esses dois que continuam desaparecidos possam estar vivos e terem cometido o duplo assassinato. A família de Ana Cláudia Alves já publicou em uma rede social que a jovem é a que foi encontrada morta. A mãe teria recebido algumas fotos do local e reconhecido as vestes da filha. (André Almenara)

Nenhum comentário: