Brasileiros tinham ao menos US$ 7 bilhões na Suíça

Os arquivos do banco HSBC da Suíça indicam que os correntistas brasileiros tinham ao menos US$ 7 bilhões depositados em Genebra entre 2006 e 2007. Se confirmado, esse total representa dez vezes mais do que o valor que o Ministério Público Federal comprovou até o momento como usado para pagamento de propina na investigação da Operação Lava-Jato, sobre cartel e desvio de recursos na Petrobras. Nos registros do banco suíço, segundo os dados vazados, há 8.687 brasileiros donos de contas bancárias, fazendo com o que país ocupe o quarto lugar no ranking de correntistas e o nono no de valores depositados. A lista de clientes tem no topo a própria Suíça, com 11.235, seguida pela França (9.187) e Reino Unido (8.844).

Nenhum comentário: