PMDB vai se afastar do PT

A saída do vice-presidente Michel Temer da coordenação política do governo, já decidida mas não concretizada, marcará o afastamento político do PMDB do governo petista cujo enredo tem um final previsível, embora não certo: o impeachment da presidente Dilma Rousseff, e a assunção de Temer ao cargo de presidente do país. Assim como em relação a Eduardo Cunha, contra quem o governo Dilma resolveu disputar a presidência da Câmara, sem nenhuma necessidade ou possibilidade de vitória, também no caso do vice-presidente áulicos petistas anteciparam-se aos fatos e começaram a desestabilizá-lo na tarefa de coordenação política, mesmo quando não havia no horizonte a ideia do impeachment.

Palhaço recebeu 335 mil da Dilma para atacar oposição

Dinheiro foi destinado à montagem do show que ele apresenta. Leonides defende Dilma no Facebook e ataca opositores ao governo.
É a sua profissão Leonides Carlo Taborda Quadra. O nome pode não representar muito, mas se falarmos do palhaço preso em Cascavel no último dia 14 após xingar a Polícia Militar e o governador Beto Richa (PSDB) na véspera das manifestações de domingo certamente saberá de quem se trata. Pois bem: Taborda Quadra, o palhaço de Cascavel, foi agraciado com nada mais, nada menos do quê R$ 333.500,00 (trezentos e trinta e três mil e quinhentos Reais) em um projeto aprovado pelo Ministério da Cultura, comandado pelo petista Juca Ferreira e subordinado à Presidente Dilma Rousseff (PT).

85% defendem renúncia e 82% o impeachment de Dilma

Segundo o Datafolha, 95% dos participantes do protesto na Avenida Paulista, em São Paulo, consideram que a presidente Dilma Rousseff (PT) está fazendo um governo ruim ou péssimo. Outros dados: 85% acham que Dilma deveria renunciar e 82% acreditam que a petista deveria ser afastada após um processo de impeachment. O Datafolha fez 1.335 entrevistas, entre 12h e 18h do domingo (16). A margem de erro é de 3 pontos percentuais. As informações são da Folha de S. Paulo.

O exército vermelho do PT

O presidente Vagner Freitas (CUT) pediu aos movimentos sociais a ida à “rua entrincheirados, com armas na mão, se tentarem derrubar a presidente” Dilma Rousseff (PT). Freitas afirmou ainda que se houver “qualquer tentativa de atentado à democracia, à senhora, ou ao presidente Lula nós seremos um exército”.

Eleição para o Conselho Tutelar em Araruna

Amigos de Araruna no dia 04 de outubro ajudem a eleger os membros do conselho tutelar, e para isso vamos votar em um deles!
 Alex Matesco Matesco, nº 05!

Impeachment é uma pauta atraente ?

O entrevistador do SBT perguntou a Dilma se o governo contava com os votos necessários para barrar a instauração de um processo de impeachment na Câmara dos Deputados, comandada pelo hoje inimigo figadal dos petistas Eduardo Cunha. 
Dilma franziu as sobrancelhas enquanto a pergunta era feita. Reclamou que ela era muito longa e complicada, mas mesmo assim começou a respondê-la. Saiu com esta: "Olha, se você olhar o Congresso, tá, sempre tem algumas pautas extremamente atraentes, o que é compreensível, porque o Congresso representa a sociedade."

Edmar Arruda gasta R$ 79 mil pra colocar nome em viaduto

O deputado Edmar Arruda (PSC-PR) gastou R$ 79 mil em cotas parlamentares, em cinco meses de mandato, para terceirizar pareceres técnicos sobre 20 proposições legislativas. 
A Fuzetti Marketing Empresarial e Ideriha Assessoria Empresarial foi contratada para dar parecer externo ao projeto que denomina de “Viaduto Elizete Aparecida Romangnoli Piveta Assunção”, o viaduto construído na rodovia BR-376, em Maringá. 
As consultorias privadas foram contratadas por Arruda para emitir parecer jurídico sobre requerimentos de convocação de audiência pública e sobre sugestões para que ministros adotassem medidas para autorizar a liberação dos recursos destinados.

Ricardo Barros apóia o PT

Que era farinha do mesmo saco do PT isso não havia dúvidas, mas agora está registrado e Carimbado. Marido da vice-governadora do Paraná, Cida Borghetti (Pros), e ex-secretário de Indústria e Comércio na primeira gestão Beto Richa (PSDB), o deputado federal Ricardo Barros (PP) acaba de ser escolhido como um dos vice-líderes do governo Dilma Rousseff (PT) na Câmara. 
Barros é o único paranaense de uma lista com dez nomes – os demais são Hugo Leal (PROS-RJ); Sílvio Costa (PSC-PE); Luiz Carlos Busato (PTB-RS); Paulo Magalhães (PSD-BA); Antônio Bulhões (PRB-SP); Carlos Zarattini (PT-SP); Orlando Silva (PCdoB-SP); Marcelo Castro (PMDB-PI); e José Rocha (PR-BA). Com a decisão, Barros completa a “trinca” dos últimos três presidentes. Antes, foi líder dos governos FHC e Lula. (Por Adilson Costa)

Nota fiscal com CPF devolve até 30% do ISS para o consumidor

Os consumidores do Paraná podem solicitar o CPF na nota fiscal em qualquer estabelecimento do estado - são mais de 210 mil lojas cadastradas. 
Em geral, os comerciantes que trabalham com venda de produtos no varejo são atingidos pelo programa do governo estadual “Nota Paraná”, que propõe a devolução de 30% do ICMS recolhido ao contribuinte. 
“Todos os sistemas do Paraná que emitem cupom fiscal, sem exceção, permitem que você inclua CPF na nota. Ficam de fora os prestadores de serviço”, explicou nesta segunda-feira (10) o auditor fiscal da Receita Estadual James de Andrade. São caracterizados como prestadores de serviço, por exemplo, estacionamento, cabeleireiro, encanador, escolas, lava-car, mecânico e serviços de assessoria e consulta. 

Imagem da semana

Papa Francisco brinca durante audiência especial com os membros do Movimento Eucarístico.
Na foto com jovem com uma jovem Brasileira.

Após briga por tablet, adolescente mata avós e dois primos

Um crime brutal chocou os moradores da cidade de Marilândia do Sul, no norte do Paraná. Um adolescente, de 16 anos, confessou à polícia que matou os avós e dois primos, de 8 e 11 anos, na noite de quinta-feira (6), após brigar com a prima por um tablet. 
Os corpos foram encontrados na casa da família na sexta-feira (7) e enterrados na manhã deste sábado (8) no cemitério municipal. 
A Polícia Civil descobriu o crime após o jovem ser apreendido com uma arma de fogo pela Polícia Militar quando saía do colégio. Em depoimento, o menor confessou o crime e deu detalhes de como matou parte da família. Segundo o delegado Marcos Felipe da Rocha Rodrigues, o adolescente disse que tudo começou após se desentender com a prima de 8 anos. 

Dilma renuncia

Apesar de ter declarado que “suporta a pressão”, a presidente Dilma já teria preparado uma carta-renúncia. Fontes do Palácio do Planalto garantem que a redação da carta não foi um ato solitário, como é comum nesses casos: Dilma teria contado com a ajuda de dois dos seus ministros mais próximos, Aloizio Mercadante (Casa Civil) e José Eduardo Cardozo (Justiça), apesar de ambos serem contrários à ideia.

PTB e PDT deixam a base do governo

No dia em que assumiu o descontrole sobre a base aliada ao fazer um apelo público pela união de forças para tirar o país da crise, o governo sofreu duas baixas na Câmara dos Deputados que devem dificultar ainda mais a governabilidade. PTB e PDT romperam com a aliança governista e anunciaram posição de independência. Juntas, as bancadas dos dois partidos têm 44 deputados.

Zeca Dirceu no rolo

A Polícia Federal cogita investigar as doações eleitorais recebidas pelo deputado federal Zeca Dirceu (PT-PR), filho do ex-ministro José Dirceu, para saber se recursos repassados por operadores do petrolão tiveram origem no esquema de corrupção investigado na Operação Lava Jato. De acordo com o ex-executivo da construtora Engevix Gerson Almada, investigado na Lava Jato, o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto e o lobista Milton Pascowitch pediram que a empresa fizesse doações a petistas, entre os quais Zeca Dirceu. Houve ainda doações para o parlamentar vindas do irmão de Pascowitch, José Adolpho, e do executivo Julio Camargo. Os três são delatores do petrolão. "O que a gente tem visto é a repetição de um padrão segundo o qual as doações oficiais eram feitas como retorno por contratos e licitações. Pode ser que seja pagamento de corrupção travestido de doação legal", diz o delegado Igor Romário de Paula, que atua na Lava Jato.

Collor recebeu 26 milhões de reais em propina

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, enviou manifestação ao Supremo Tribunal Federal (STF) para que os carros de luxo do senador Fernando Collor (PTB-AL), apreendidos na Operação Politeia, não sejam devolvidos ao parlamentar. No documento, o procurador-geral narra que os veículos são possivelmente produto de crime e que as investigações apontam que Collor recebeu 26 milhões de reais em propina, entre os anos de 2010 e 2014, por meio de um "sofisticado esquema de lavagem de dinheiro".

PMDB quer o impeachment da Dilma

Em reunião com aliados de PSDB, DEM e Solidariedade na noite de segunda-feira, 3, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), discutiu uma manobra para pautar pedido de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff sem se comprometer diretamente. Duas fontes que participaram da reunião disseram ao Estado que ficou acordada a possibilidade de que, após o Tribunal de Contas da União (TCU) encaminhar seu parecer a respeito das contas de governo de Dilma, Cunha rejeitaria o pedido de abertura de processo de impeachment, mas a oposição apresentaria um recurso, que seria votado e aprovado, garantindo a votação do impedimento da petista.

Zé pode entregar todo mundo

José Dirceu desabafou com um amigo que estava propenso a “entregar todo mundo”. A conversa, segundo a Época, ocorreu no mês passado. “Dirceu afirmou ter feito o seguinte cálculo: se contar o que sabe, poderá estar solto em três anos”.

Dó do Zè Dirceu

O ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ), que cumpre pena em regime domiciliar desde maio passado, disse nesta segunda-feira (3) não ter motivos para comemorar a prisão do ex-ministro e ex-deputado José Dirceu (PT-SP), investigado na Operação Lava Jato. “Não me regozijo, não tenho sentimento de revanche, de ressentimento. Tenho pena dele. Acabou o mito”, afirmou. “Sei o que é estar lá (na prisão)”, comentou Jefferson.

Bradesco compra o HSBC por 17,6 bilhões

O Bradesco confirmou o favoritismo, e anunciará a compra da operação brasileira do HSBC, o sétimo maior banco do país. O Banco Central foi avisado do desfecho da transação. Se o êxito do Bradesco não é exatamente uma surpresa, o valor pago é: 5,2 bilhões de dólares – ou 17,6 bilhões de reais. Nas últimas semanas, as estimativas para o negócio variavam para algo entre dez e doze bilhões de reais. Com a compra o banco presidido por Luiz Trabuco não recupera a posição de banco privado número 1 do Brasil, que está nas mãos do Itaú desde a incorporação do Unibanco em 2008, mas se aproximou bastante do líder.

Caso dos namorados encontrados mortos em motel de Paranavaí

Uma nova perícia sobre a morte de um casal encontrado morto em um motel de Paranavaí, no noroeste do Paraná, mostra indícios de que o crime não foi passional. Um resumo do documento foi apresentado pela Polícia Civil neste sábado (1º). Segundo os policiais, o material encontrado nas unhas da vítima, Gabriela Cerci Bernabe, pertencia a ela mesma. Já o sangue encontrado pelo quarto pertencia apenas a Gabriela e ao namorado, André de Freitas Perez Silva.

Maringá com o melhor planejamento urbano do Brasil

A revista Exame que chega às bancas nesta semana aponta a cidade de Maringá com o melhor planejamento urbano do Brasil. A publicação traz a lista das cidades mais inteligentes do país e Maringá se sobressaiu entre municípios como Rio de Janeiro, Curitiba, Belo Horizonte e Vitória. Um dos pontos destacados pela revista é o uso pela prefeitura de imagens de satélite para evitar o crescimento desordenado. “O monitoramento contribuiu para a cidade emergir como a primeira colocada na categoria planejamento urbano”, afirma a reportagem.

Osmar Dias governador

O PDT reuniu mais de 600 lideranças de todo o Paraná para a reunião de hoje (01-08-15), pela manhã, no Hotel Caravelle. Osmar Dias retomou a condução do partido no Estado e foi lançado candidato a governador em 2018. O certo é que Osmar, qualquer que seja a articulação das oposições, será candidato a uma majoritária. Seu irmão, Alvaro, també pode ser candidato por novo partido.

Preso o assassino de 9 mulheres em série

A polícia aprendeu o suspeito de ser o assassino de 9 mulheres em Maringá. Os crimes são registrados desde 2007. Todas as vítimas eram garotas de programa e foram mortas por estrangulamento. Hoje, segundo a polícia, Roneys Fon Firmino Gomes confessou os crimes. Os corpos eram abandonados em uma área de plantio de soja ou milho, às margens da PR-317, próximo a torres de transmissão de energia. Em referência ao local dos crimes, o assassino passou a ser conhecido como o “maníaco das torres”. Casado, Roneys Fon Firmino Gomes, 40, foi preso no final da tarde de quinta-feira (30), quando se apresentou na delegacia.

Nelson Piquet fala mal de Senna

“Senna era um piloto horrível, era fácil ultrapassá-lo (…) Você viu toda a ultrapassagem? Você viu as duas voltas anteriores? Olhando com calma, na primeira vez eu tento por dentro, e ele me empurra para o lado sujo da pista. E na segunda vez ele tenta fazer o mesmo. Mas ao invés de ir para a direita, eu coloco de lado pela esquerda e ele não esperava isso (…) Ele sempre foi muito sujo na sua carreira. Ganhou o campeonato de F-3 porque ele bateu no Martin Brundle, em Brands Hatch, na última corrida, acabou com o carro em cima. (n. R.: o acidente a que Piquet se refere aconteceu em Oulton Park, na 17ª etapa das vinte realizadas). Fez o mesmo com Prost em 90 para ganhar o campeonato. Eu não concordo com isso. No automobilismo, você precisa ser limpo. Quer ser campeão? Tudo bem. Mas precisa ser limpo. Ele não era limpo na pista. Foi por isso que mostrei o dedo do meio para ele”.

Juros altos no cheque especial

De acordo com o Banco Central, a taxa dessa modalidade de crédito chegou a nada menos que 241,3% ao ano. É a mais alta desde 1995. Com o custo do dinheiro crescente por causa dos seguidos aumentos de juros básicos feitos pelo BC para conter a inflação, os bancos reajustam as taxas cobradas dos clientes. No entanto, aqui há ainda um outro componente: cobrar caro e lucrar pelo risco que assume com saque a descoberto.

Dilma veta até aposentados

A presidente Dilma Rousseff vetou a extensão que garantia a todos os aposentados a mesma política de reajuste do salário mínimo. Pela regra, aposentadorias também receberiam um aumento com base na variação do Produto Interno Bruto (PIB) dos últimos dois anos mais a inflação. 

Zé Dirceu (PT) foi impedido de viajar

O ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, condenado no processo do mensalão e investigado na Lava-Jato, teve negado o pedido para ir a Vinhedo, em São Paulo, para visitar a família no Dia dos Pais. Ele cumpre pena em regime domiciliar. Segundo o juiz Ângelo Pinheiro Fernandes de Oliveira, da Vara de Execuções Penais do Distrito Federal, autor da decisão, um preso não pode viajar sempre, para não banalizar o regime de prisão.